Entrevista do Rick no Alternative Addiction

Para ouvir a entrevista, acesse:

http://www.alternativeaddiction.com/interviews/audio/download.asp?id=549

Aqui está o artigo:

Lifehouse Pronto Para Ir Para A Estrada

O baterista da banda Lifehouse, Rick Woolstenhulme Jr., sabe que é pra valer. A banda esta para embarcar em uma turnê de quatro meses para divulgar seu novo cd “Smoke and Mirrors”, o quinto álbum da banda, que esta marcado para estrear no começo de Março.

Se há uma coisa que Rick gostaria de que as pessoas entendessem é que vê-los ao vivo vale a pena.

“Hoje em dia as pessoas querem honestidade. Elas não querem truques. Se eles ouvem uma música no radio e vão ao show, querem ver a mesma música ao vivo,” disse Woolstenhulme Jr. ao Alternative Addiction. “Eles não querem ver uma tentativa de fazer a música como é tocada na rádio. Entende?”

Lifehouse vai estar em turnê com Chris Daughtry nos próximos dois meses. Na verdade, Daughtry se juntou à banda para fazer uma participação em uma das faixas de “Smoke and Mirrors,” na música chamada “Had Enough”.

“Haverá algumas apresentações antes de começarmos a turnê, antes de começarmos a ir de lugar a lugar. Vamos para Europa, México e US. Vamos estar em New York para o lançamento do álbum,” disse Rick. “Mais do que isso a bola esta começando a girar e nós vamos agitar nos próximos anos. O objetivo é colocar nossas cabeças no lugar e se concentrar para fazer tudo dar certo”.

Lifehouse tira a turnê de letra. Desde seu primeiro sucesso em 2001, com “Hanging by a Moment,” música que ganhou como melhor música do ano na Billboard Music Award for Hot 100, eles se orgulham de cantarem ao vivo e fazer sua música ser traduzir do estúdio para o palco.

“Nós temos muito orgulho em sermos uma banda que toca realmente seus instrumentos. Quando tocamos nos shows, são quatro caras, quatro instrumentos saindo nos alto falantes. Não há nada eletrônico” explicou Rick. “Nestes dois últimos CDs, como em todos os nossos CDs, nós gostamos de estar em estúdio, e nós gostamos da pressão de gravar ao vivo como uma banda, e tendo um compasso suficiente para editar algo que vai ser mantido da mesma forma”.

O novo CD tenta ser diferente sem se desviar muito da formula que tem ajudado Lifehouse, grupo primeiramente formado sob o nome de Bliss em 1999. Bliss lançou um CD chamado “Diff’s Lucky Day”. Bliss se tornou Lifehouse e desde a mudança já produziu quatro sucessos que ficaram entre os top 40 .

“Ele (Jason Wade) tem sido ótimo sobre não fazer a mesma coisa sempre. Como compositor, isso fica difícil. Há muita pressão nos ombros dele. Ele não quer ficar em uma caixa e está experimentando com diferentes idéias, desde letras até os arranjos,”.“Há uma faixa chamada ‘Nerve Damage’ que é meio que uma faixa pesada deste cd que foi editada ao vivo. Nós não seguimos um formato. É como mergulhar e ser criativo, e ver se algo surge de tudo isso. No final do dia, eu acho que a letra deste álbum vai provar que ele é capaz de muito mais coisas de que as pessoas pensam que ele é capaz.”

Nerve Damage representa como “Smoke and Mirrors” irá se diferenciar de seus outros álbuns. “Nós passamos a querer colocar mais faixas de rock porque foi daí que nós surgimos,”. “No novo álbum “Quando fomos para o estúdio, nós queríamos pular e manter a energia e vibração do palco”.

Com Lifehouse na estrada por tanto tempo há boatos sobre a banda lançar um CD ao vivo. Isso faz sentido devido ao fato que eles se orgulham da qualidade de seus shows. “Tocar ao vivo tem sido nossa base. Uma banda como a nossa tem que realmente mostrar a que veio”, disse Rick

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: